Equinos / Medo excessivo

Equinos / Medo excessivo

Cavalos são animais de fuga.

Todo corpo do cavalo foi adaptado para ele se tornar um excelente animal de fuga. Escapar é a primeira reação que o cavalo tem quando sente medo.

Como proprietários de cavalos, devemos estar sempre cientes que, quando um cavalo foge, significa que ele está com medo ou até mesmo em pânico.Puní-lo por fugir, somente deixará o equino mais apavorado ainda.

Cavalos necessitam estar suficientemente familiarizados a diferentes estímulos ambientais para se sentirem tranquilos e seguros.Jovens cavalos, em particular, tendem a ficar apavorados se são forçados a passar por algum objeto desconhecido.

Privar sensorialmente o cavalo é a principal causa do surgimento de muitos distúrbios comportamentais e comportamentos indesejados.Um prévio aprendizado exploratório, combinado com o reforço positivo (estímulos agradáveis – afagos, tom de voz brando, etc), ajudam no desenvolvimento da segurança e experiência do cavalo.

Com freqüência nos deparamos com o conceito de que os cavalos não podem ser trabalhados até que completem 3 anos de idade.Isso é correto no que diz respeito aos preparativos para a equitação. Entretanto, é muito importante que, antes disso, o equino seja exposto a uma grande variedade de situações potencialmente aversivas a ele, para desta forma se habituar progressivamente.