Equinos / Dentição

Equinos / Dentição

Todos os cavalos possuem na sua idade adulta 40 dentes e a égua 36 dentes.
Distribuição:
12 incisivos; 6 superiores; 6 inferiores; 4 caninos (ausentes na fêmea); 24 molares distribuídos igualmente nas duas arcadas.
Na primeira dentição (de leite) nascem primeiro as pinças com poucos dias após o parto ou até mesmo antes, depois os médios entre 4 e 6 semanas e os cantos entre 6 e 8 meses.
O potro apresenta apenas 24 dentes, todos caducos sendo 12 incisivos e 12 molares.
A dentição de leite vai até os dois anos e meio, começando a serem trocados na mesma ordem que surgiram. Após o surgimento da dentição definitiva, o cavalo (por volta dos 5 anos de idade) é então considerado um animal adulto.

Como saber a idade?

Na fase de dentes definitivos, os dentes têm forma recurva e a raiz vai se tornando cada vez mais estreita e oblíqua, com o desgaste dos dentes. Na extremidade da parte livre existe um orifício, o corneto dentário, que vai desaparecendo com o passar do tempo. Depois de algum tempo, surge uma pequena mancha castanha, chamada estrela radicular. Aos seis anos de idade, as pinças do maxilar inferior já estão sendo usadas há três anos, por isso o esmalte já aparece e a mesa dentária (a extremidade da parte livre) tem forma ovulada.

Aos oito anos de idade, os cantos inferiores e todos os incisivos inferiores estão lisos e ovulados.

Aos nove anos, as pinças superiores estão lisas e ovuladas.
Aos dez anos, é a vez dos médios superiores estarem apresentando tais sinais.
Aos onze anos são os cantos superiores que se encontram então lisos e ovulados.

Aos doze anos começa a haver alteração do esmalte que desaparece e exibe-se a estrela dentária, com as pinças arredondadas.

Aos treze anos, os médios inferiores e as pinças se tornam arredondadas.

Aos quatorze anos, há apenas a estrela radicular em todos os incisivos inferiores e todos os dentes estão arredondados.

Aos quinze anos, nas pinças superiores há apenas a estrela radicular.
Aos dezasseis anos, os médios superiores contam apenas com a estrela radicular.
Aos dezassete anos, todos os incisivo superiores exibem a estrela reticular e estão arredondados.

Desta forma, é então possível, observando-se o desgaste dos dentes do cavalo, determinar a sua idade. A técnica está aí, explica passo a passo, mas para poder dizer com segurança a idade do animal, só com muita prática
.